By 13 de Novembro de 2014 Read More →

O que é o ORCID?

Hoje em dia é cada vez mais difícil manter uma lista atualizada do número de publicações que os investigadores desenvolvem, quer orcid_128x128pela diversidade de serviços de informação onde os trabalhos são publicados e distribuidos, quer pela quantidade de trabalhos desenvolvidos em co-autoria. Nos processos de gestão desta informação existiu sempre a problemática da identificação inequívoca do autor, sendo na maior parte dos casos apenas possível ao nível da instituição.

O ORCID (Open Researcher and Contributor Identifier), pretende resolver esse problema através da atribuição de um identificador universal a cada investigador.

ORCID para Investigadores

O ORCID é gratuito para os investigadores e permite a criação de uma conta pessoal onde o autor identifica a sua publicação científica nas bases referenciais disponíveis (ANDS, PubMed Central, ResearcherID, SCOPUS, DataCite, CrossRef…). Para cada uma das fontes, o autor deve autorizar a fonte (base de dados) para associar ao seu perfil e desse modo poder usufruir da integração desenvolvida nessa base de dados para o ORCID.

Por exemplo, se adicionar a CrossRef Metadata Search ao seu perfil ORCID, vai aceder ao serviço já autenticado com a sua conta do ORCID, permitindo a associação dos registos de uma forma mais fácil e integrada.

figura3

Login ORCID integrado no CrossRef

 

Após uma pesquisa, o utilizador tem acesso a um botão que adiciona a produção científica identificada na conta ORCID do utilizador.

figura2

Registo da Pesquisa no CrossRef com ORCID

Este mecanismo permite de forma clara e integrada adicionar os registos à sua conta.

Nos caso dos utilizadores que não seguem diretamente a via do ORCID para ir consultar as bases de dados, existe no próprio sistema (CrossRef Metadada Search neste exemplo) uma opção para efetuar login com as credenciais do ORCID como ilustra a seguinte figura.

figura1

Login no CrossRef Metadata Search com dados do ORCID

Para os investigadores que não possuem os seus trabalhos nas bases de dados ligados ao ORCID, têm sempre a possibilidade de colocar o registo manualmente ou de enviar uma lista de referências bibliográficas em Bibtex.

Veja o vídeo oficial sobre o serviço ORCID que demonstra facilmente como funciona o ORCID.

What is ORCID? from ORCID on Vimeo.

 

ORCID para Organizações

Nas organizações que desenvolvem investigação, como as Universidades, Institutos, Hospitais, etc, o foco de atuação do sistema ORCID está nos relatórios da atividade científica, na consulta dessa informação e na introdução dessa informação nos sistemas internos das instituições.

Por outro lado, permite a criação de contas dos autores atualizadas com as contas institucionais. Finalmente, permite utilizar a informação do ORCID para popular o repositório institucional ou até atualizar o ORCID com base no que está no repositório.

 

Programadores

Enquanto serviço integrado que o ORCID pretende ser, têm feito esforços no sentido de definir novas oportunidades para integrarem os identificadores ORCID nos sistemas existentes e nos seus workflows como nos RIS, sistemas de gestão de revistas, de financiadores e bases de dados sob subscrição. Só a partir do momento em que os dados são integrados localmente é que é depois possível ligar toda a informação e de forma automática ao autor.

Existe documentação para os programadores, onde podem iniciar e conhecer um pouco melhor a API do ORCID (http://support.orcid.org/knowledgebase/articles/180285-introduction-to-the-orcid-api), registar a API de desenvolvimento (http://orcid.org/node/176), e pedir ajuda (http://support.orcid.org/).

Existe também uma apresentação das 5 formas mais comuns de integrar com o ORCID (http://prezi.com/xdrpzjogxqns/orcid-member-integration-guide/):

– Obter o ORCID ID de um utilizador
– Obter dados de um registo ORCID
– Permitir a importação do fornecedor de dados
– Ligar o perfil de utilizador ao sistema de autoridade institucional
– Criar ID´s ORCID para os colaboradores

Pode-se monitorizar a evolução das integrações com o ORCID: http://orcid.org/organizations/integrators/integration-chart assim como as integrações atuais com o ORCID: http://orcid.org/organizations/integrators/current

Para se poder utilizar algumas funcionalidades avançadas do serviço é necessário tornar-se membro institucional e aderir a um dos acordos disponíveis, dependendo do tipo de integração e âmbito desejados.

Autor: José Carona Carvalho

Gestor de Projeto no Gabinete de Projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho. Gestão dos serviços de informação, apoio e formação são as áreas de intervenção.

Comments are closed.