RepositoriUM

Atividade Open Access da UMinho partilhada em programa de mobilidade BAD

Atividade Open Access da UMinho partilhada em programa de mobilidade BAD

No âmbito do Programa de Mobilidade da Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas (BAD), o Gabinete de Projetos dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho tem vindo a receber colegas representantes de universidades nacionais desde 2014.

O ano de 2017 não foi exceção e dedicou os dias  09 e 10 de novembro ao tema: “Projetos Open Access da Universidade do Minho: do RepositóriUM à infraestrutura Europeia do Acesso Aberto”, contando com 2 participantes: Paulo J. Nunes e Manuel Moreno do ISPA e da Universidade de Lisboa, respetivamente.

O programa proposto teve como principal foco as atividades desenvolvidas pelo Gabinete de Projetos, que têm desenvolvido, ao longo dos últimos anos, um vasto trabalho na dinamização dos repositórios institucionais e no desenvolvimento do Acesso Aberto no panorama nacional e internacional.

Estes e outros programas que os SDUM têm vindo a acolher representam oportunidades cruciais para a troca de experiências profissionais e partilha de informação em virtude da melhor compreensão e disseminação do Acesso Aberto.

Autor: Raquel Truta

Membro da equipa de projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho.

By 13 de Novembro de 2017 Read More →
Erasmus Staff Training: Espanha nas primeiras visitas de 2017 aos SDUM

Erasmus Staff Training: Espanha nas primeiras visitas de 2017 aos SDUM

De 13 a 17 de março de 2017 os Serviços de Documentação da UMinho deram as boas-vindas a duas colegas de Espanha, Isàvena Opisso Atienza da Universidade de Barcelona e Maria Amparo Cózar Santiago da Universidade de Navarra, em mais uma semana de Erasmus Staff Training.

erasmus.fw

A equipa dos Serviços de Documentação apresentou os projetos Open Access em que tem participado, quer a nível nacional (projeto RCAAP), quer a nível internacional com foco no projeto OpenAIRE. Já o RepositóriUM com destaque nos workflows, política institucional, procedimentos de monitorização e estatística, foi também apresentado neste intercâmbio profissional.

Como tem sido habitual nestes programas, também esta semana se tem revelado numa excelente oportunidade para troca de experiências profissionais e partilha de informação sobre diferentes realidades universitárias, em benefício do Acesso Aberto na Europa.

Autor: Raquel Truta

Membro da equipa de projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho.

By 17 de Março de 2017 Read More →
Mobilidade BAD encerra as visitas de 2016 aos SDUM

Mobilidade BAD encerra as visitas de 2016 aos SDUM

No âmbito do Programa de Mobilidade BAD, o Gabinete de Projetos dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho tem vindo a receber colegas representantes de universidades nacionais desde 2014.

O ano de 2016 não foi exceção e dedicou os dias de 24 e 25 de novembro ao tema: “Projetos Open Access da Universidade do Minho: do RepositóriUM à infraestrutura Europeia do Acesso Aberto”, contando com 4 participantes oriundos da Universidade Nova de Lisboa, da Universidade de Coimbra e dois alunos de Doutoramento cuja investigação recai sobre a temática abordada.

IMG_20161124_111528

O programa proposto teve como principal foco as atividades desenvolvidas pelo Gabinete de Projetos, que têm desenvolvido, ao longo dos últimos anos, um vasto trabalho na dinamização dos repositórios institucionais e no desenvolvimento do Acesso Aberto no panorama nacional e internacional.

Este e outros programas que os SDUM têm vindo a acolher representam excelentes oportunidades para a troca de experiências profissionais e partilha de informação em virtude da melhor compreensão e disseminação do Acesso Aberto.

Autor: Raquel Truta

Membro da equipa de projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho.

By 30 de Novembro de 2016 Read More →
Visita de Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

Visita de Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

No âmbito de uma visita de trabalho à Universidade do Minho,  a nova Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo, acompanhada pelo Reitor (António Cunha) e Vice-Reitor (Rui Vieira de Castro) da Universidade do Minho , visitou hoje, dia 17 de dezembro de 2015, os Serviços de Documentação da Universidade do Minho tendo reunido com o Diretor dos SDUM, Eloy Rodrigues.

IMG_1285

A reunião teve como propósito conhecer de uma forma mais próxima o RepositóriUM e os projetos e atividades, no âmbito do Acesso Aberto, nos quais a Universidade do Minho tem assumido responsabilidades de coordenação científica e/ou técnica. Na reunião foi possível apresentar brevemente, e trocar algumas impressões,  sobre os projetos e atividades na área das infraestruturas (RCAAP e OpenAIRE),  da coordenação de políticas (PASTEUR4OA), da formação e sensibilização (FOSTER) e do alinhamento e cooperação internacional (COAR, Portal do Conhecimento de Cabo Verde e Repositório Insitucional da Universidade Nacional de Timor Lorosa’e).

Autor: Raquel Truta

Membro da equipa de projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho.

By 17 de Dezembro de 2015 Read More →
ERASMUS staff training 2015: visitas ao gabinete de projetos Open Access da UMinho

ERASMUS staff training 2015: visitas ao gabinete de projetos Open Access da UMinho

No âmbito do Programa de Mobilidade – ERASMUS staff training, o Gabinete de Projetos dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho tem vindo a acolher representantes de universidades de outros países europeus, ao longo dos anos.

Se durante os meses de março e abril recebemos colegas de Espanha, Alemanha e Japão, no passado mês de setembro a Turquia e a República Checa fizeram-se representar por Hakan Yanaz da University of Ozyegin e Josef Krupicka  da University of Pardubice respetivamente.

O foco da visita centrou-se na gestão do RepositóriUM, particularmente em questões práticas de administração e na dimensão da interoperabilidade. Os projetos Open Access em que a equipa dos Serviços de Documentação tem participado, quer a nível internacional (OpenAIRE, FOSTER e PASTEUR4OA), quer a nível nacional (RCAAP), foram também apresentados.

20150910_160024

Estes intercâmbios de informação sobre diferentes realidades de projetos desenvolvidos em contexto universitário são, inequivocamente, primordiais na disseminação do Acesso Aberto na Europa.

Autor: Raquel Truta

Membro da equipa de projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho.

By 13 de Outubro de 2015 Read More →
Mobilidade BAD nos SDUM

Mobilidade BAD nos SDUM

Subordinado ao tema “Projetos Open Access da Universidade do Minho: do RepositóriUM à infraestrutura Europeia do Acesso Aberto”, os Serviços de Documentação da Universidade do Minho (SDUM) receberam no passado mês de maio, no âmbito do programa de mobilidade da Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas (BAD), 7 participantes oriundas do Instituto Politécnico de Viana do Castelo, Instituto Politécnico do Porto, do Instituto Politécnico de Lisboa e da Universidade de Lisboa.

Bad

O programa de visita proposto centrou-se na atividade do gabinete de projetos Open Access dos SDUM. Os SDUM têm desenvolvido ao longo dos últimos dez anos um vasto trabalho na dinamização dos Repositórios Institucionais e no desenvolvimento do Acesso Aberto no panorama nacional e internacional. A disponibilização deste programa procurou guiar as participantes desde as componentes essenciais de operação de um Repositório Institucional até à integração deste sistema de informação científica em infraestruturas de âmbito nacional (RCAAP) e europeu (OpenAIRE), procurando destacar os requisitos de interoperabilidade (normas, protocolos e diretrizes técnicas) inerentes aos processos de integração dos sistemas.

Estes e outros programas que os SDUM têm vindo a acolher representam oportunidades cruciais para a troca de experiências profissionais e partilha de informação em virtude da melhor compreensão e disseminação do Acesso Aberto.

Autor: Raquel Truta

Membro da equipa de projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho.

By 25 de Junho de 2015 Read More →
Open Access: as primeiras visitas de 2015 aos SDUM

Open Access: as primeiras visitas de 2015 aos SDUM

Dando continuidade às visitas realizadas anteriormente ao Gabinete de Projetos Open Access dos Serviços de Documentação, quer por parte de colegas de universidades de outros países, quer de colaboradores dos projetos europeus, recebemos no último mês diversos colegas.

Cristal.fwNa semana de 16 a 20 de março, no âmbito do programa IACOBUS, recebemos a Cristal Martínez Pousa, da Universidade de Santiago de Compostela, Espanha.

A equipa dos Serviços de Documentação apresentou os projetos Open Access em que tem participado, quer a nível nacional (projeto RCAAP), quer a nível internacional (OpenAIRE, FOSTER e PASTEUR4OA). Já o RepositóriUM com destaque nos workflows, política institucional, procedimentos de monitorização e estatística, foi também apresentado neste intercâmbio profissional.

Por sua vez Cristal Martínez Pousa teve a possibilidade de nos dar a conhecer a realidade do repositório da Universidade de Santiago de Compostela.

Jochen.fw

Durante este mês de abril, na sequência da co-organização e participação dos Serviços de Documentação na conferência anual COAR-SPARC visitou-nos Jochen Schirrwagen, da Universidade de Bielefeld, Alemanha, responsável pelo processo de data curation do portal OpenAIRE e da equipa das directrizes OpenAIRE.

Taro.fwEm simultâneo, recebemos Misumi Taro, Gestor  do repositório da Universidade Chiba, Japão, com o objetivo prático de se inteirar das questões práticas do RepositóriUM.

Todas as visitas acolhidas se revelam em excelentes oportunidades de troca de informação e experiências profissionais, sobre diferentes perspectivas, em prol dos desenvolvimentos do Acesso Aberto.

Autor: Raquel Truta

Membro da equipa de projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho.

By 23 de Abril de 2015 Read More →
Atualização do RepositóriUM para DSpace 4

Atualização do RepositóriUM para DSpace 4

Na passagem do seu 11.º aniversário, com o intuito de acompanhar a evolução tecnológica, garantir a segurança e a qualidade do serviço que presta, o RepositóriUM acaba de atualizar a plataforma que lhe serve como suporte (DSpace) para a versão 4. Na sequência desta migração, o repositório institucional da Universidade do Minho apresenta-se agora com uma interface gráfica totalmente nova, que lhe oferece uma experiência totalmente nova em termos de usabilidade, bem como um conjunto alargado de melhorias e novas funcionalidades!

Apresenta-se em seguida um resumo de algumas das novidades mais relevantes disponíveis nesta versão:

Novas Funcionalidades:

    • Nova interface gráfica: A nova interface gráfica baseia-se na versão JSPUI (Bootstrap-based) do sistema DSpace e apresenta uma aparência mais “moderna” e mais próxima da linha gráfica dos sites institucionais da UMinho. A nova interface é também “responsive” (ou seja, adapta-se automaticamente ao dispositivo e à resolução na qual está a ser visualizado).
    • Novas formas de depositar: Para além do depósito padrão (através do preenchimento de um formulário para recolha da informação sobre o documento), já existente nas versões anteriores, existem agora duas novas formas de depositar: 1) Depósito a partir de um identificador – Nesta modalidade o depositante pode pré-carregar metadados relativos ao seu documento a partir de um identificador (ex. DOI, PubMed ID, arXiv ID,…); 2) Depósito a partir de um ficheiro – Nesta modalidade o depositante poderá pré-carregar metadados relativos ao documento em depósito, mas a partir de um ficheiro de formato bibliográfico (ex. formato “ris”, “endnote” ou “arXivXML”,…).
    • Ajuda em contexto sobre copyright e versões a depositar: Com base numa API do serviço SHERPA/RoMEO e com intuito esclarecer dúvidas sobre copyright e de facilitar na seleção da versão que poderá auto-arquivar no RepositóriUM, passa a estar disponível na fase de carregamento do(s) ficheiro(s) (upload) uma área com informação relevante sobre a publicação que está a depositar.
    • Novo motor de pesquisa e filtros de refinamento: O motor de pesquisa da plataforma foi alvo de diversos melhoramentos. Neste momento as pesquisas passarão a ser insensíveis a acentos (diacríticos) e passam a ser apresentadas sugestões para a pesquisa em curso (“did you mean”). Ao nível da descoberta dos conteúdos foram também acrescentados filtros por autores, assuntos e datas de publicação que permitirão um melhor refinamento da informação recuperada.
    • Ferramentas para importação de metadados: Ao nível das ferramentas de administração passou a ser possível promover a importação de metadados em batch (em lote) com base em vários formatos bibliográficos conhecidos (ex. pubmedXML, crossRefXML, arXivXML, ciniiXML, bibtex, ris, endnote, csv, tsv).
    • Melhoramentos ao nível da indexação com o Google: Para efeitos de uma melhor indexação e da recuperação dos conteúdos arquivados no RepositóriUM foram introduzidos diversos melhoramentos e otimizações no sistema recomendadas pela Google.
    • Swordv2: Neste caso, para efeitos específicos de interoperabilidade com outros sistemas, o RepositóriUM passou a dispor em funcionamento de uma versão atualizada do protocolo Swordv2.

Apesar de se já se encontrar ativa há alguns meses, será ainda de referir a integração do RepositóriUM com Intranet da UMinho, com a qual a forma de nome dos autores da UMinho passa a estar ligada à Intranet da UMinho. Na sua área de informação profissional os membros da UMinho podem agora definir uma forma de nome científico preferencial para efeitos do RepositóriUM, o que permite desambiguar e consolidar os nomes dos autores da UMinho. A este respeito da identificação dos autores, tão rapidamente quanto possível, também se pretende realizar a integração com o sistema ORCID.

Outras melhorias:

    • UMinho Statistics Add-on: O add-on de estatísticas do RepositóriUM sofreu uma profunda remodelação com o intuito de o refrescar e de o aproximar ao novo modelo de navegação desta nova versão, os gráficos apresentam-se agora mais interativos (baseados em javascript) e também de acordo com a nova linha gráfica. Ao nível das comunidades e coleções foi incluída mais informação (tops e gráficos) e de um modo geral foram ainda incluídas novas estatísticas, bem como atualizada a base de dados de países (e respetiva API) para uma maior precisão nos dados apresentados.
    • Add-on First Page: O Add-on First Page é uma novidade e foi desenvolvido com o intuito acrescentar uma folha de rosto com informação (metadados) proveniente do RepositóriUM e dessa forma permitir uma melhor referenciação e contextualização dos documentos após o seu download do RepositóriUM ou quando acedidos diretamente através de motores de busca externos ao sistema (ex. Google) e em que se pode perder o contexto. Sendo configurável, nesta fase encontra-se apenas aplicado nas teses de doutoramento e nas dissertações de mestrado.
    • Request Copy (pedido de cópia ao autor) Nesta versão do RepositóriUM, o Request Copy já se encontra integrado nas funcionalidades de base do sistema, porém foram introduzidas melhorias no sentido de possibilitar o envio dos pedidos de cópia de diretamente para o(s) contacto(s) definido(s) pelo(s) autor(es) nos formulários de depósito ao invés do contacto do depositante (que poderá não ser o autor). Neste particular, foi ainda acrescentado um mecanismo de captcha (Completely Automated Public Turing test to tell Computers and Humans Apart), ou seja, uma ferramenta anti-spam para se evitar pedidos indesejados.
    • Expand/collapse da página de Comunidades & Coleções: Esta funcionalidade de expand/collapse que possibilita minimizar a (extensa) lista de Comunidades & Coleções e mostrar/ocultar toda a estrutura de sub-comunidades/coleções já existia na versão anterior do RepositóriUM, mas nesta versão foram introduzidas melhorias ao nível do seu funcionamento, bem como a sua conjugação com a nova linha gráfica.
    • Melhoramentos nos formulários de depósito: Foram introduzidos melhoramentos no layout dos formulários de depósito para uma maior legibilidade e usabilidade. Adicionalmente, alguns dos campos passaram a estar ligados a listas autoritativas que permitem completar a informação de forma mais simples e consolidada (preenchimento por “suggest”).

Estas e mais novidades encontram-se a partir de agora disponíveis no RepositóriUM, por esta e outras razões sugerimos que revistem o repositório institucional da Universidade do Minho, consultem a produção científica produzida na UMinho e partilhem conhecimento científico!

Por fim, sobre esta atualização do RepositóriUM, caso tenha dúvidas, questões ou nos queira transmitir os seus comentários, poderá faze-lo contactando-nos através de correio electrónico: repositorium@sdum.uminho.pt

Ainda sobre o DSpace 4.x:

Autor: Ricardo Saraiva

Gestor do RepositóriUM - repositório institucional da Universidade do Minho.

By 28 de Novembro de 2014 Read More →
Migração do RepositóriUM para DSpace 3.2

Migração do RepositóriUM para DSpace 3.2

Com o intuito de acompanhar a evolução tecnológica, garantir a qualidade e a segurança do serviço que presta, bem como melhorar e apresentar novas funcionalidades aos seus utilizadores, o RepositóriUM atualizou recentemente a plataforma que lhe serve como suporte para a versão 3.2 do DSpace.

Neste processo de atualização, considerou-se a manutenção da interface JSPUI e pressupôs-se que todas as características e add-ons atuais do RepositóriUM seriam mantidos, pretendeu-se também introduzir melhorias, instalar novos add-ons e configurar as novas funcionalidades desta nova versão do DSpace em consonância com a realidade local.

Novas Funcionalidades:

Novo Interface OAI-PMH – Este novo interface OAI-PMH (http://repositorium.sdum.uminho.pt/oai/oai?verb=Identify) baseia-se no conceito inicial do add-on desenvolvido no âmbito do Projeto RCAAP (add-on OAIextended) que permite a configuração de conjuntos (sets) de informação organizados com base em determinados requisitos. A aplicação prática destes conjuntos é a possibilidade de disponibilizar informação com base nas diretrizes DRIVER, OpenAIRE ou outras. Permite configurar, através de filtros e modificadores, todo o conteúdo do repositório. Para consultar, filtrar e modificar o conteúdo, usa o SOLR, permitindo assim devolver um grande número de informação em muito pouco tempo;

Interface Mobile – Foi ativada uma interface mobile para o RepositóriUM (http://repositorium.sdum.uminho.pt/xmlui/) com o intuito de melhor corresponder aos requisitos específicos de telemóveis, tablets, etc. Na prática, uma interface deste tipo caracteriza-se por um look & feel semelhante aos das aplicações mobile e a possibilidade de manuseamento através de inputs específicos destes dispositivos como: swipe, touch, etc.;

Nova navegação por Comunidades&Coleções – Esta funcionalidade permite minimizar a (extensa) lista de Comunidades&Coleções (http://repositorium.sdum.uminho.pt/community-list) e mostrar/ocultar toda a estrutura de sub-comunidades/coleções que está implementada no RepositóriUM. Neste caso, registamos um especial agradecimento à Universidade de Évora e à equipa que gere o seu repositório institucional, que gentilmente nos facultou know-how já adquirido para readaptar esta funcionalidade;

Exibição de citações – Com base numa API da SCOPUS e em metadados específicos dos registos do RepositóriUM (campo DOI – criado específicamente),  quando aplicável, passaram a ser disponibilizadas o número de citações registadas na SCOPUS associadas a esses registos (exemplo de um registo no RepositóriUM: http://hdl.handle.net/1822/23429);

Ativação de Authority Control nos formulários de depósito – Nos formulários de depósito,  nomeadamente nos campos “Editora” e “Revista”, passou a estar disponível uma lista autoritativa de correspondência com base numa API do serviço SHERPA/RoMEO para o efeito;

Vocabulários controlados – Ainda em fase de testes, os formulários de depósito passarão a incluir a possibilidade de introduzir as áreas científicas de acordo com o Fields of Science and Technology (FOS) e a sua ulterior pesquisa  no RepositóriUM (https://repositorium.sdum.uminho.pt/subject-search).

Melhorias:

Add-on Request Copy (pedido de cópia) – O add-on Request Copy foi reformulado por forma a permitir o envio dos pedidos de cópia de diretamente para o(s) contacto(s) do(s) autor(es) ao invés do depositante. Adicionalmente, foi introduzido um mecanismo de captcha (Completely Automated Public Turing test to tell Computers and Humans Apart), ou seja, uma ferramenta anti-spam;

UMinho Statistics Add-on – O add-on de estatísticas desenvolvido pela UMinho foi completamente revisto para possibilitar uma maior eficiência na gestão de grandes volumes de dados e adiconalmente foram introduzidas novas estatísticas;

Integração do RepositóriUM com Intranet da UMinho – Ainda em fase de testes, para efeito de autoridades, os autores da Universidade do Minho passarão a estar ligados à Intranet da instituição e dessa forma possibilitar desambiguar, consolidar autoridades e criar índices de autores internos, etc.

Ainda sobre o DSpace 3.2:

Autor: Ricardo Saraiva

Gestor do RepositóriUM - repositório institucional da Universidade do Minho.

By 18 de Fevereiro de 2014 Read More →
Webometrics Ranking (Edição Janeiro de 2014)

Webometrics Ranking (Edição Janeiro de 2014)

Foi dada a conhecer a última edição do Webometrics Ranking, com base em dados recolhidos durante os primeiros dias de janeiro de 2014, disponibilizando rankings que contemplam informação de instituições de ensino superior de todo o mundo (agora mais de 22.000!), classificadas de acordo com seu desempenho termos académicos/investigação, prestígio, visibilidade internacional, bem como, o seu compromisso relativamente a políticas de Acesso Aberto à sua produção científica.

Ranking Web of Repositories

Nesta edição do Ranking Web of Repositories a análise baseou em mais de 1.746 repositórios a nível mundial, sendo que a listagem é liderada por repositórios temáticos e o top 5 composto por: Arxiv.org e-Print Archive; Social Science Research NetworkSmithsonian/NASA Astrophysics Data System, Europe PubMed CentralResearch Papers in Economics.

Neste top mundial, em termos nacionais será de salientar a prestação do RepositóriUM, repositório institucional da Universidade do Minho, que continua o repositório português melhor posicionado, ocupando nesta edição a 28ª posição em termos mundiais absolutos! Contudo, considerando apenas repositórios institucionais, ou seja, excluindo repositórios temáticos, que ocupam os primeiros lugares por congregar publicações de milhares de autores de múltiplas instituições, o RepositóriUM ocupa o 19º lugar em termos mundiais, o 13º em termos europeus.

No contexto nacional será também de realçar globalmente a boa prestação dos repositórios portugueses, destacamos nesta edição o top 10 composto por:

Recorde-se que este ranking produzido pelo Centro Superior de Investigaciones Científicas (CSIC) visa medir o impacto e a visibilidade das universidades na Web e apresenta os seus resultados com base em quatro indicadores: Presença, que mede o volume de informação publicada na web; Impacto, construído a partir dos links recebidos de terceiros; Abertura, a contagem do número de documentos que estão disponíveis a partir de repositórios científicos e Excelência, que inclui apenas os artigos de qualidade e que estão entre os 10% mais citados dentro cada disciplina.

Por fim, para além do ranking dos repositórios, no portal Webometrics poderemos ainda encontrar outros rankings relativos a Universidades (11.992),  Centros de investigação (7.761), Hospitais (11.997) e Escolas de Economia e gestão (1268).

Para informações mais detalhadas, poderá consultar o portal Webometrics: http://repositories.webometrics.info

Autor: Ricardo Saraiva

Gestor do RepositóriUM - repositório institucional da Universidade do Minho.

By 13 de Fevereiro de 2014 Read More →
Apresentação do livro: “Uma Década de Acesso Aberto na UMinho e no Mundo”

Apresentação do livro: “Uma Década de Acesso Aberto na UMinho e no Mundo”

No decurso da sessão comemorativa do 10.º aniversário do RepositóriUM, foi apresentado oficialmente pela Professora Ana Alice Baptista o livro: “Uma Década de Acesso Aberto na UMinho e no Mundo”, que reúne contributos de alguns dos mais ativos protagonistas e impulsionadores dos avanços da última década e que oferece uma ampla panorâmica da evolução e da situação atual do Acesso Aberto.

Ao longo dos quinze capitulos desta obra editada por Eloy Rodrigues, Alma Swan e Ana Alice Batista, podem ser aferidas múltiplas perspetivas e realidades sobre o Acesso Aberto e os repósitorios à escala global.

Nos dez anos que se seguiram à sua criação, o RepositóriUM consolidou-se como um serviço estável e relevante no contexto da Universidade do Minho, catalisador de desenvolvimentos significativos no panorama nacional e de grande visibilidade e reconhecimento internacional, e simultaneamente o Acesso Aberto conheceu notáveis evoluções em Portugal e no mundo. Este livro, que assinala e celebra o décimo aniversário do RepositóriUM, ilustra estes progressos do Acesso Aberto, em especial através dos repositórios.

A versão digital do livro encontra-se acessível no RepositóriUM em:

http://hdl.handle.net/1822/26144

Autor: Ricardo Saraiva

Gestor do RepositóriUM - repositório institucional da Universidade do Minho.

By 21 de Novembro de 2013 Read More →
Vídeo: O RepositóriUM: Testemunhos, factos e perspetivas

Vídeo: O RepositóriUM: Testemunhos, factos e perspetivas

Para assinalar o 10º aniversário do RepositóriUM, foi desenvolvido um vídeo ilustrativo da sua história que apresenta a sua génese, desenvolvimento e impacto, quer a nível institucional quer a nível da comunidade nacional e internacional.

Esta versão com 17 minutos conta como foi criado o serviço a nível institucional, a forma como se foi desenvolvendo ao longo do tempo e os objetivos estratégicos de futuro. Recheado de fotos e de depoimentos de vários intervenientes ligados à temática do Open Access e dos repositórios, apresenta a importância que este percursor serviço teve no desenvolvimento de outros repositórios em todo o mundo e a forma como as suas políticas institucionais foram uma referência e exemplo.Finalmente,  o vídeo apresenta os desígnios futuros e os desafios que este serviço terá na próxima década.

Veja o Vídeo!

Autor: José Carona Carvalho

Gestor de Projeto no Gabinete de Projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho. Gestão dos serviços de informação, apoio e formação são as áreas de intervenção.

By 21 de Novembro de 2013 Read More →
Exposição: Uma Década de Acesso Aberto na UMinho

Exposição: Uma Década de Acesso Aberto na UMinho

Criado em 2003, no seio da iniciativa e-UM (Campus Virtual – Universidade do Minho), o Repositório Institucional da Universidade do Minho – RepositóriUM – reúne presentemente mais de 24.500 documentos e acaba de atingir outro marco significativo na sua história – ultrapassou os 10.000.000 downloads, dos quais mais de 1.904.000 somente em 2013, oriundos de 235 países e territórios de todo o mundo.

Para assinalar o décimo aniversário do RepositóriUM os Serviços de Documentação organizaram a exposição ‘Uma década de Acesso Aberto na UMinho’ que dá a conhecer um pouco da história do RepositóriUM e do seu impacto, dentro e fora da UMinho.

Os marcos mais significativos estão ilustrados na Timeline Open Access UMinho, ponto 1 da exposição, e representam atividades e iniciativas que contribuíram para o desenvolvimento e consolidação do RepositóriUM e do Acesso Aberto no contexto nacional e internacional.

A exposição comemorativa dos 10 anos do RepositóriUM foi inspirada na Timeline e organizada em 10 seções que reúnem um conjunto de objetos, folhetos informativos, documentos oficiais e outros recursos ilustrativos dos acontecimentos mais relevantes.

O livreto da exposição está disponível para consulta.

Autor: Clara Parente Boavida

Membro da equipa de projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho. A desempenhar funções como Open Access Advisor desde 2009.

By 21 de Novembro de 2013 Read More →
Open Access Timeline

Open Access Timeline

Uma década após o arranque do RepositóriUM, é tempo de olhar para trás, de identificar os principais acontecimentos e referenciá-los para dar os próximos passos.

Integrada nas ações comemorativas do 10º Aniversário do RepositóriUM, esta timeline pretende dar a conhecer a evolução do repositório institucional da Universidade do Minho e o contexto em que ele se envolveu ao longo do tempo, integrado em diversas iniciativas.

Além dos marcos temporais, foram disponibilizados alguns recursos ou ligações para ilustrar os principais acontecimentos relacionados com o RepositóriUM.

Consulte a Timeline!

Autor: José Carona Carvalho

Gestor de Projeto no Gabinete de Projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho. Gestão dos serviços de informação, apoio e formação são as áreas de intervenção.

By 21 de Novembro de 2013 Read More →
Comemorações dos 10 anos do RepositóriUM

Comemorações dos 10 anos do RepositóriUM

O RepositóriUM – repositório institucional da Universidade do Minho, acaba de completar 10 anos. Para assinalar esse marco, realizamos um conjunto de iniciativas, como:

que culminaram com a realização de uma Sessão Comemorativa do 10º Aniversário do RepositóriUM, com a presença do Reitor da Universidade do Minho.

O conjunto das atividades que realizamos em torno do 10º aniversário do RepositóriUM pretenderam não só celebrar e festejar esta feliz ocasião, mas também assinalar, registar e refletir sobre o caminho que foi percorrido nesta década, quer pelo RepositóriUM e a Universidade do Minho, quer também pelos repositórios e o Acesso Aberto a nível nacional e internacional.

Celebrar os êxitos alcançados, e partilhá-los com todos os que na UMinho, em Portugal e em várias outras partes do mundo colaboraram neste percurso, assinalar os fatores que contribuíram para esses êxitos, refletir sobre os problemas e obstáculos encontrados, identificar e apreciar os desafios que se colocam para o futuro mais imediato, foi o que pretendemos e fizemos ao comemorar o décimo aniversário.

Em conclusão, como temos “saudades do futuro”, afirmamos com convicção: Venham mais 10!

Autor: Eloy Rodrigues

Diretor dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho

By 21 de Novembro de 2013 Read More →