Conheça o novo DSpace 3.0

. 10 de Dezembro de 2012 . 0 Comments

Foi recentemente lançado o novo DSpace 3.0 no seguimento da sua última versão 1.8.2. Umas das alterações do novo DSpace é a sua numeração que passa a contar com dois dígitos 3 e 0 neste caso correspondendo o 3 a uma grande alteração e o 0 a alterações menores. As próximas versões com alterações menores serão 3.1, 3.2, 3.3 e só quando houver grandes mudanças se vai optar por 4.0, 4.1, etc. Está previsto o lançamento de uma versão nova com alterações significativas uma vez por ano, sendo as versões menores distribuídas com base na necessidade de corrigir eventuais bugs.

As Novas Funcionalidades:

Novo Interface OAI-PMH – Este novo interface baseia-se no conceito inicial do addon desenvolvido no âmbito do Projeto RCAAP (addon OAIextended) que permite a configuração de conjuntos (sets) de informação organizados com base em determinados requisitos. A aplicação prática destes conjuntos é a possibilidade de disponibilizar informação com base nas diretrizes Driver, OpenAIRE ou outras. Permite configurar, através de filtros e modificadores, todo o conteúdo do repositório. Para consultar, filtrar e modificar o conteúdo, usa o Solr, permitindo assim devolver um grande número de informação em muito pouco tempo.
Estatísticas baseads em Solr – Permite a consulta de estatísticas baseada no Solr, permitindo dessa forma uma grande melhoria de performance na consulta dos dados.
Google analytics para uma comunidade – Permite a um gestor de uma comunidade utilizar o Google analytics e perceber quem consulta as páginas e registos desse comunidade.
Vocabulários controlados para XMLUI – Apenas disponível no Interface XMLUI, inclui os vocabulários controlados do “The Norwegian Science Index” e “Swedish Research Subject Categories”.
Alteração da Autenticação – Melhorias significativas no funcionamento interno do processo de autenticação.
Importação de registos com base em referências bibliográficas – Permite a importação para o repositório de registos de metadados através dos formatos Endnote, BibTex, RIS, TSV e CSV.
Versões dos registos – Permite que sejam guardadas várias versões do registo, apenas disponível no interface XMLUI.
Formulários baseados nos tipos de documento – Permite que sejam configurados os campos necessários para cada tipo de documento que se pretenda depositar, para já apenas disponível em XMLUI, mas integrará a versão JSPUI na versão 3.1.
Consulte todas as novidades: https://wiki.duraspace.org/display/DSDOC3x/Preface

As Melhorias:

Embargo – utilização da data para libertar os ficheiros e metadados e correção dos metadados, apenas disponível para XMLUI.
Pesquisa – Melhorias no processo de pesquisa e na listagem dos diversos índices.
Grupos LDAP para grupos do DSpace – Permite a associação de grupos existentes nos sistemas de autenticação centralizado LDAP para os grupos internos de gestão do DSpace, permitindo por exemplo adicionar automaticamente determinadas permissões aos membros da instituição.

Ver mais em: https://wiki.duraspace.org/display/DSDOC3x/History

Nesta versão do DSpace devemos ainda realçar a participação portuguesa bastante ativa do “Committer” (contribuidor de código) João Melo que usou o conhecimento adquirido no âmbito do Projeto RCAAP para contribuir para a comunidade DSpace!

Documentação completa da nova versão: https://wiki.duraspace.org/display/DSDOC3x/DSpace+3.x+Documentation

Para iniciar o upgrade: https://wiki.duraspace.org/display/DSDOC3x/Upgrading+From+1.8.x+to+3.x

José Carona Carvalho

Gestor de Projeto no Gabinete de Projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho. Gestão dos serviços de informação, apoio e formação são as áreas de intervenção.

Tags:

Categorias: blogue & notícias, internacional, repositórios, temático

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *