Ciência Cidadã: a ciência também pode ser feita com a participação dos mais novos!

. 20 de Abril de 2020

A Ciência Cidadã baseia-se no princípio de uma ciência assente na participação informada do cidadão, na recolha, na análise de dados e consequente discussão e partilha dos mesmos.

Ao longo destes últimos anos, as oportunidades de disseminação desta iniciativa têm crescido, conferindo maior visibilidade e possibilidade de parcerias e colaborações, permitindo que o seu impacto na investigação científica esteja a ser consolidado, conforme a European Citizen Science Association atesta. É desta mesma associação, liderada pelo Museu de História Natural de Londres, que emanam os 10 princípios da Ciência Cidadã.

O projecto OpenAIRE contempla algumas atividades associadas a esta temática, visando explorar as possibilidades de aprendizagem, experimentação, de promoção de boas práticas de Ciência Cidadã. Neste sentido, iniciou-se um projeto-piloto com as escolas, a uma escala europeia, para dar a conhecer o projeto e as suas inúmeras potencialidades de descoberta e, também, como plataforma de pesquisa e partilha de dados científicos, decorrentes de projetos H2020 em que as escolas (alunos e professores) possam também estar a participar.

Daqui decorre igualmente a criação da primeira publicação de investigação científica europeia para os mais novos, respeitando todas os requisitos exigidos de avaliação e publicação, destinado aos estudantes e escrito por estudantes – Open Schools Journal for Open Science (OSJOS). Esta publicação já reúne artigos de alunos de várias nacionalidades, contando também com artigos escritos por alunos de nacionalidade portuguesa.

O OSJOS aceita artigos originais escritos pelos alunos de escolas primárias e secundárias de toda a Europa, sob orientação dos professores, que versem temas da Ciência, Engenharia e Tecnologia. Todos os alunos e professores são convidados a publicar e partilhar dados e resultados produzidos no âmbito de projetos escolares.

O processo de revisão é realizado por cientistas e professores e só depois publicado neste periódico. Assim, tenta-se levar e incutir estes conceitos junto dos alunos, instigando o pensamento crítico e a imprescindibilidade de uma opinião bem fundamentada. A par desta publicação os mesmos artigos são depositados numa comunidade especial no Zenodo.Esta iniciativa decorre com a parceria de llinoGermaniki Agogi (GR), da Ciência Viva (PT) e do Centro de Nacional de Documentação (GR) que disponibiliza a infraestrutura para alojamento do OSJOS.

Portugal participa de igual forma em algumas das iniciativas como é o caso da recolha de dados sismológicos, que acontece em algumas escolas da Região dos Açores.

Conheça mais, partilhe e incentive Boas Práticas de Ciência Cidadã!

Texto redigido com base na informação disponibilizada em – https://www.openaire.eu/citizen-science-activities-in-openaire

Paula Moura

Projetos Open Access - Universidade do Minho - Serviços de Documentação

Tags:

Categorias: blogue & notícias, sobre os projetos

Comentários encerrados.