Implementar Mandatos de Acesso Aberto na Europa

. 29 de Novembro de 2012 . 0 Comments

Birgit Schmidt e Iryna Kuchma são as autoras do livro ‘Implementing Open Access Mandates in Europe’ que surge do estudo do OpenAIRE sobre o desenvolvimento de comunidades de repositórios de acesso aberto na Europa. Estão envolvidos nesta análise 32 países europeus e ainda a Noruega, Islândia, Croácia, Suíça e Turquia.

As autoras pretendem caracterizar as políticas de auto-arquivo dos editores, assim como as estratégias para as colocar em prática. Descrevem os mandatos de acesso aberto europeus de financiadores de ciência e institucionais e as estratégias usadas na sua implementação. Salientam a continuidade do OpenAIRE através do OpenAIREplus que, para além de objetivar o aumento do número de publicações em acesso aberto, pretende ligar essas publicações com os respetivos dados científicos e acrescentar informação sobre o seu financiamento.

O mandato da UMinho é um dos exemplos mencionados no livro que inclui os requisitos e as estratégias que a UMinho delineou e que contribuíram para o sucesso desta iniciativa. Estão também descritas algumas das atividades e projetos portugueses que têm permitido fortalecer o acesso aberto a nível nacional e internacional.

O livro está disponível em: http://webdoc.sub.gwdg.de/univerlag/2012/oa_mandates.pdf

Clara Parente Boavida

Membro da equipa de projetos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho. A desempenhar funções como Open Access Advisor desde 2009.

Categorias: blogue & notícias, políticas, publicações & documentos, recursos & referência, temático

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *